Entenda por que a autoestima interfere tanto na sua vida...

Saiba os motivos que tornam o amor próprio uma ferramenta de sobrevivência Gostar de si mesmo, acreditar no seu potencial e confiar na sua capacidade e se respeitar são elementos básicos da definição de autoestima. Pela lista é possível ter uma pequena noção da importância dela. No entanto, seu poder é ainda maior. Acredite: a autoestima é um dos principais recursos do ser humano para viver bem. Basicamente, ela determina a maneira como as pessoas se relacionam com o mundo, encaram os desafios da rotina diária e se protegem ou se expõem em situações que exigem controle emocional. De acordo com a psicóloga Doralice Lima, a autoestima desempenha um papel fundamental na convivência familiar, no trabalho, no grupo de amigos e em equipes. “O movimento do mundo acontece porque pessoas que acreditam nelas mesmas compartilham ideias. Esses indivíduos têm autoconfiança, um fator que pode atrair e entusiasmar a sociedade e promover mudanças”, explica. Como desenvolver a autoestima A boa notícia é que a autoestima pode ser desenvolvida e aperfeiçoada ao longo da vida. Naturalmente, seu grau pode ser ainda mais elevado se for estimulada desde cedo, ainda na infância. Porém, o factor não é determinante, segundo Doralice. “Para ter e manter a autoestima em alta não basta olhar só para si. A visão do que está em volta da sua realidade, ou seja, da sociedade, é muito importante. Se a visão é negativa e pessimista, certamente a impressão que você terá de si mesmo será ruim. E o ser humano tem capacidade para incorporar esta visão ao longo do tempo”, diz a profissional. Da mesma forma que a autoestima pode ser adquirida aos poucos, a longo prazo, é importante ressaltar que ela é variável e nem sempre anda em compasso. Segundo pesquisas realizadas nos...

Enxaqueca não tem cura, mas pode ser controlada Mai28

Enxaqueca não tem cura, mas pode ser controlada...

A enxaqueca crónica caracteriza-se por cefaleia em 15 ou mais dias do mês, sendo oito dias com crises típicas de enxaqueca, por mais de três meses, na ausência de abuso de medicamentos. Causas As causas exactas da enxaqueca são desconhecidas, embora se saib que elas estão relacionadas com alterações do cérebro e possuem influência genética. A enxaqueca começa quando as células nervosas, já em estado de hiperexcitabilidade, reagem a algum gatilho frequentemente externo, enviando impulsos para os vasos sanguíneos, causando sua constrição ( relacionado à aura) seguida de uma dilatação (expansão) e a libertação de prostaglandinas, serotonina e outras substâncias inflamatórias que causam a dor. O padrão de crise é sempre o mesmo para cada indivíduo, variando apenas em intensidade. O espaçamento entre crises é variável. Sabe-se também que o gatilho para as crises em enxaqueca variam de indivíduo para indivíduo, sendo que em alguns a pessoa pode não apresentar nenhum gatilho específico. Os gatilhos de enxaqueca mais comuns são: Stresse Jejum prolongado Dormir mais ou menos do que o costume Mudanças bruscas de temperatura e humidade Perfumes e outros odores muito fortes Esforço físico Luzes e sons intensos Abuso de medicamentos, incluindo analgésicos Factores hormonais: é comum mulheres portadoras de enxaqueca apresentarem dor nas fases pré, durante ou após a menstruação. Esse tipo de migrânea é chamado de enxaqueca menstrual. Esse tipo de enxaqueca tende a melhorar espontaneamente na menopausa. Muitas mulheres têm as crises pioradas, ou ate melhoradas, a partir do momento que iniciam o uso de anticoncepcionais orais Alimentos e bebidas: queijos amarelos envelhecidos, frutas cítricas (principalmente laranja, limão, abacaxi e pêssego), carnes processadas, frituras e gorduras em excesso, chocolates, café, chá e refrigerantes à base de cola, aspartame (adoçante artificial), glutamato monossódico (tipo de sal usado como intensificador de sabor,...

O chocolate preto faz mesmo bem à saúde Mar26

O chocolate preto faz mesmo bem à saúde...

Fibras do cacau são importantes para o combate de doenças como o cancro do colón Muitos outros estudos já publicados mostravam os benefícios do chocolate preto, mas as razões continuavam por desvendar. Mas no encontro anual da American Chemical Society, em Dallas, John Finley, o professor e investigador da Universidade do Estado do Louisiana, afirmou “que alguns dos componentes do cacau são muito bons para saúde”. Finley e Maria Moore, aluna e investigadora deste projecto, decidiram perceber de que forma as fibras não digeríveis do cacau, que vão directamente para o cólon, têm impacto no organismo. Desta forma, os investigadores recorreram a um modelo de sistema digestivo similar ao do humano e concluíram que as fibras do cacau, depois de fermentarem, transformavam-se em ácidos gordos de cadeia curta, “a comida preferida das células do cólon”, explicou Finley. “Existem dois tipos de bactérias no intestino, as boas e as más. As bactérias boas, tais como Bifidobacterium e a bactéria do ácido láctico, adoram chocolate. Quando comes chocolate preto, elas crescem e fermentam, produzindo componentes anti-inflamatórias”, explicou Moore no encontro. Finley e Moore concluiram que a combinação do teor de fibra do cacau com os ingredientes não digeridos dos alimentos pode contribuir para a saúde, criando maior resistência ao cancro do cólon e à doença inflamatória do intestino.   Fonte: Sapo Mulher...

Gravidez precoce aumenta em Angola Fev28

Gravidez precoce aumenta em Angola...

Com 12 e 13 anos de idade e um caso aos 11 anos “Uma gravidez na adolescência tem uma influência enorme no seio da família. Desestabiliza-a porque, quer a jovem, quer os pais, não estão preparados para receber uma notícia destas. Psicologicamente, a jovem ressente-se porque não se sente enquadrada na escola e acaba por interromper os estudos e a sua formação”. O director da maternidade Lucrécia Paim, Abreu Pecamena, sugere que os currículos escolares enfatizem mais a educação sexual. “É preciso desenvolvê-los e adaptá-los à nossa realidade para que as pessoas compreendam melhor a necessidade de educar os nossos filhos desde a tenra idade para entender o fenómeno da sexualidade”. Em entrevista à margem da palestra que proferiu na 1ª Feira da Mulher Angolana, que decorreu este mês, na FIL, co-organizada pelo Jornal da Saúde, revelou que das 687 cesarianas realizadas, em Junho de 2011, na maternidade que dirige, 425 foram em adolescentes.   Pode enquadrar o problema da gravidez precoce sob o ponto de vista da saúde pública? A gravidez precoce, ou a gravidez na adolescência, é um tema de preocupação mundial, com tendência a crescer. Sob o ponto de vista da saúde pública, o problema está ligado à falta de informação dos adolescentes aquando da passagem à fase adulta, quando os jovens se vão descobrindo a si próprios, pensam que são imunes e que nada lhes acontece. O grande dilema é que, quando se fala em anti-concepção, os jovens não se identificam, não sentem esse problema como sério, não sabem o que é a fisiologia de uma gravidez, não vêem o perigo. É uma questão de responsabilidade, quer da mulher, quer do homem? Exactamente. Há também o problema socioeconómico. A jovem mulher, em termos fisiológicos, está mais avançada que o homem....

Angola entre os três países com pior alimentação...

Índice avalia situação alimentar em 125 países do mundo Angola está entre os três países com pior alimentação, em particular devido ao custo dos alimentos e à volatilidade dos preços, revela um índice hoje divulgado que coloca Holanda, França e Suíça como os três melhores. O índice “Good Enough to Eat” (“Suficientemente bom para comer”), elaborado pela organização não-governamental Oxfam, avalia a situação alimentar de 125 países do mundo tendo em conta quatro questões: se as pessoas comem o suficiente, se as pessoas conseguem pagar os alimentos, se os alimentos são de qualidade e quais os malefícios na saúde provocados pela alimentação (obesidade, diabetes). No topo da lista dos que melhor comem estão os holandeses, os franceses e os suíços, enquanto no último lugar está o Chade, antecedido da Etiópia e de Angola, ambos na penúltima posição. Portugal ocupa a 8.ª posição, ex-aequo com a Irlanda, Itália, Luxemburgo e Austrália. Todos os 20 melhores países são europeus excepto um (a Austrália), sendo a ausência de desnutrição e o total acesso a água potável os factores que mais pesam na sua classificação. Entre os 30 últimos, há 26 países africanos (incluindo Angola e Moçambique) e quatro asiáticos, Laos, Bangladesh, Paquistão e Índia. No caso de Angola, os factores que mais pesam na classificação são o custo dos alimentos e a volatilidade dos preços da comida, a que se soma a má diversidade nutricional e o reduzido acesso a água potável. “Angola sofre o nível mais alto de volatilidade dos preços de todos os países no índice, exceto o Zimbabué”, alerta a Oxfam, explicando que os preços elevados dos alimentos impõem um enorme custo humano aos pobres do mundo, que gastam até 75% dos seus rendimentos em comida. A classificação de Angola no critério da volatilidade...

Meditar meia hora por dia pode aliviar ansiedade e depressão Jan15

Meditar meia hora por dia pode aliviar ansiedade e depressão...

No entanto, cientistas observaram poucos indícios de melhora do nível de stresse Meditar por meia hora todos os dias ajuda a aliviar os sintomas da ansiedade e da depressão, revela uma análise feita com base em resultados de cerca de 50 testes clínicos. Segundo Madhav Goyal, professor adjunto de medicina interna na universidade Johns Hopkins e principal autor deste estudo publicado na passada segunda-feira (6) na edição online do JAMA (Journal of the American Medical Association), “um grande número de pessoas recorre à meditação mas este exercício não é considerado parte de alguma terapia médica”. — Mas na nossa pesquisa, a meditação parece aliviar os sintomas da ansiedade e de depressão, tanto quanto os antidepressivos em outros estudos. Os cientistas avaliaram o nível de mudança dos sintomas entre as pessoas que sofrem de uma variedade de problemas de saúde, como a insónia ou a fibromialgia, um transtorno que causa dores musculares crónicas. Apenas uma minoria destes pacientes sofria de uma doença mental, afirmaram os autores. Eles constataram que a meditação conhecida como “de plena consciência”, uma técnica budista que consiste em concentrar a atenção no momento presente, mostrou-se particularmente promissora. Geralmente, eles observaram sinais de melhora nos sintomas da ansiedade, da depressão e da dor, depois de um programa de meditação de meia hora por dia. Mas os cientistas observaram poucos indícios de melhora do nível de estresse ou da qualidade de vida. Nos testes clínicos analisados, nos quais os pacientes foram acompanhados por seis meses, os cientistas observaram que os benefícios da medicação persistiram. Esta análise incluiu 47 testes clínicos com um total de 3.515 participantes que praticavam diferentes técnicas de meditação e que sofriam de diversos problemas mentais e físicos, entre eles depressão, ansiedade, stresse, insónia e inclusive diabetes ou câncer.  ...

5 dicas infalíveis para ter uma noite tranquila de descanso Jan07

5 dicas infalíveis para ter uma noite tranquila de descanso...

“Alguns itens da despensa atrasam o metabolismo, aumentam a temperatura corporal, intensificam o estado de alerta e dificultam a respiração, atrapalhando a qualidade do sono”, enumera a nutricionista Tatiana Camacho Barão. Já outros fornecem substratos para a produção de hormonas e neurotransmissores necessários para uma boa noite de descanso e fornecem compostos bioactivos calmantes que colaboram com a restauração da energia.   Para aproveitar tudo o que a madrugada tem a oferecer, confira as dicas da nutricionista 1. Não beba café, chá-mate, chá-verde e refrigerantes à base de cola e guaraná depois das 18h. 2. Na hora do jantar, prefira saladas cruas, legumes cozidos, carboidratos integrais e proteínas magras. 3. Diminua o consumo de bebidas alcoólicas quando o sol se põe. Apesar de causarem sonolência, promovem o relaxamento da faringe e comprometem a respiração, favorecendo os barulhentos roncos. 4. Na ceia, escolha entre fruta fresca, sumo natural, leite magro e chás de ervas calmantes. 5. Gorduras e proteínas exigem um esforço muito grande do corpo para serem digeridas. Evite-as logo antes de ir para a cama. Aposte nestes alimentos: – Espinafre – Rúcula – Agrião – Couve – Nozes – Castanhas – Sementes – Aveia – Arroz integral – Uvas com casca – Ovo -­ Peixes -­ Feijão – Grão-de-bico – Leite – Frutas   Fonte: Revista Corpo a...

Conheça os truques para a felicidade Nov09

Conheça os truques para a felicidade...

Conheça os truques e dicas para melhorar o seu humor e ser mais feliz. Com o final das férias é normal que se volte ao trabalho algo abatido e o calor, que não parece que vá abrandar, não ajuda a reajustar a sua rotina diária. Antes que pense em despedir-se e fazer da praia o seu novo escritório, conheça os truques e dicas para melhorar o seu humor e ser mais feliz. Prometemos que o vai ajudar a ultrapassar esses momentos mais difíceis. Vá ao teatro e pare de comprar sapatos! É verdade que um novo par para estrear caso tenha uma festa em cima da hora ajuda a sentir-se mais confiante e feliz, no entanto, quantas vezes é que planeia usá-los? O que pensa que eles irão fazer pela sua noite, além de receber elogios sobre os mesmos? Não seria melhor usar esse dinheiro para ir ver uma peça de teatro? Se ainda não o convencemos fique a saber que uma equipa de psicólogos na Universidade de São Francisco, nos Estados Unidos da América, descobriram que experiências vividas aumentam o nosso índice de felicidade, visto que a excitação de comprar objetos desvanece mais rapidamente do que as experiências que ficam na memória. Tenha uma noite no seu calendário para estar com amigos Um estudo da Universidade de Illinois mostra que as pessoas mais felizes dão prioridade às relações interpessoais com amigos e família. Tendo isso em mente, e aproveitando o bom tempo que ainda se faz sentir, ponha em prática uma noite semanal para estar com os seus amigos e experimentarem coisas novas, como bares, restaurantes e até jogos de tabuleiro! Vale tudo desde que se divirtam. Só mais 30 segundos! Se gosta de se manter no activo, saiba que adicionar apenas mais 30...

Gerir o stress para emagrecer Nov01

Gerir o stress para emagrecer...

É fundamental gerir o stress quando se quer emagrecer. Várias investigações científicas associam o stress ao aumento de peso. De facto, muitas pessoas encontram na comida uma forma de compensação para as situações de ansiedade. Consciente ou inconscientemente, há uma tendência para comer mais quando sentimos que não estamos a controlar a situação. Se aprender a descontrair-se, o seu domínio sobre o que come será maior. Identifique, em primeiro lugar, as situações que lhe causam um maior nível de stress. Depois, tente compreender porque é que isso acontece e, por fim, desenvolva estratégias para solucionar o problema. Para ajudar, faça exercício físico e há técnicas como o Ioga, Body Balance ou Pilates que o podem ajudar e muito. A gestão do stress pode ser um passo muito difícil, mas não desista. Se dominar o stress, deixará de ser dominado por ele. Fonte: A...

Os 6 Remédios da Natureza Out15

Os 6 Remédios da Natureza...

O que fazer para se sentir sempre leve e saudável? Conheça a melhor maneira de se livrar do cansaço e sensação de peso, prevenindo, assim várias doenças associadas ao stress da vida moderna. Veja os 6 remédios que a natureza nos oferece sem pedir nada em troca! 1 – Ar Locais bem arejados promovem um melhor desempenho das funções cerebrais, como pensar, raciocinar, analisar, decidir decifrar, ler e armazenar informações etc. A respiração profunda aumenta a concentração do oxigénio no sangue, eleva a pressão arterial, acelera os batimentos cardíacos e permite que ocorra uma maior irrigação dos tecidos e células, promovendo bem-estar, fortalecimento e nutrição ao corpo. Se nos permitimos respirar profundamente por períodos regulares e longos durante o dia, teremos uma saúde melhor, uma disposição alegre e actividade mental aguçada! 2 – Água Há sistemas do nosso corpo, como o renal, que utilizam a água para eliminar as toxinas que precisam de ser eliminadas para um melhor desempenho do cérebro. Alguns tipos de dores de cabeça podem ser resolvidos com a simples ingestão de água! Além disso, a pouca ingestão de água pode dificultar a acção dos leucócitos e facilitar a instalação de viroses como a gripe e constipações. A água também tem funções terapêuticas se usada no exterior do corpo. A água fria tem a sua função terapêutica estimulante, assim como a água morna actua sobre o corpo de forma calmante. Seja em forma de líquido, vapor ou gelo, há múltiplas formas de usufruir dos benefícios deste maravilhoso elemento natural! 3 – Luz solar Cada vez mais, tem-se comprovado que a ausência da luz solar na rotina diária das pessoas faz surgir o mau humor, depressão e stress. Em certos países do norte da Europa, as pessoas passam meses sem a luz...