Tags

Outras Publicações

Ginga - A Marca da Família Angolana

Maria Borges volta a desfilar com Naomi Campbell

Depois de Nova York e Londres, a temporada internacional de moda Inverno 2014/15 seguiu para Milão, recanto da tradição e das criações clássicas com foco no rigor do Made in Italy – mas, desta vez, com o bem-vindo sangue fresco de marcas jovens que trazem nova energia à semana de moda italiana. 

Maria Borges volta a desfilar com Naomi Campbell

Maria Borges, modelo angolana de sucesso, teve o privilégio de poucas, que é de usar dois looks da marca conceituada Philipp Plein e voltar a desfilar com a maior modelo negra de todos tempos Naomi Campbell na semana de Moda de Milão que teve o seu início na quarta-feira, dia 19  terminando hoje, 24.

A Modelo Maria Borges venceu no passado fim de semana, o troféu de Melhor Manequim Feminino dos troféus Moda Luanda 2014, mas devido ao compromisso do Fashion Week de Milão, não pôde estar presente para receber o prémio, no entanto, fez questão de divulgar na sua página de facebook o seu eterno agradecimento aos pais.

“Mesmo longe mas sinto-me perto! Estou muito feliz pelos troféus: Diva da Moda & Melhor Manequim Feminino. Só tenho que agradecer o carinho de todos os que gostam e acompanham os meus trabalhos, especialmente à minha família e a Deus.”

Recorde-se que Maria Borges é a mais bem sucedida e cotada manequim angolana de sempre, e encontra-se na lista das melhores manequins negras de 2013 do mundo.

Depois de participar nas semanas da moda de Nova Iorque, Londres, Milão e Paris, Maria Borges fez também a semana da alta costura de Paris e o super concorrido desfile da Victoria’s Secret com a honra de envergar um imponente par de asas e de fechar o segmento “Birds of Paradise” daquele evento.

Maria Borges foi ainda a primeira negra a abrir um desfile de Giorgio Armani em Itália. A angolana aparece em simultâneo nas edições de Janeiro de 2014 das revistas de moda ELLE francesa numa produção de Givenchy e da Vanity Fair americana numa produção de Armani, para além de ter protagonizado as campanhas internacionais da Tommy Hilfiger e Forever 21.

Em 2014 a angolana protagonizará a campanha mundial da prestigiada casa francesa Givenchy, e pode já ser vista aqui mesmo em Luanda na campanha de publicidade do Sky Gallery em vários outdoors colocados nos edifícios da Escom perto do largo do Kinaxixi.

A Forbes África colocou Maria Borges no número 1 do seu top de melhores manequins africanas de 2013, a teen Vogue americana apontou-a como uma das 5 melhores manequins de 2013 e Maria Borges alcançou o número 1 de um ranking de manequins negras na New York Fashion Week, tendo feito um record de 19 desfiles numa só temporada.

A casa Dior, que não contratava manequins negras para os seus desfiles em Paris há já 5 anos, incluiu na estação passada a nossa top angolana, que fez também o exclusivo desfile de Tom Ford sem ter tido a necessidade de passar pelo casting.

A manequim, que começou o seu impressionante percurso nacional e internacional pela mão da STEP Models de Karina Barbosa e Kayaya Jr depois de vencer o concurso Supermodel of the World Angola em 2011.

 Maria Borges volta a desfilar com Naomi Campbell

Fonte: Platinaline